Tuesday, November 27, 2001

OPINIÃO
JIPEIROS AGITAM A CIDADE

No último final de semana o evento realizado pelo Jeep Club de Itararé foi muito concorrido. A pista da Santa Terezinha ficou repleta de competidores e com um grande público.
Tudo correu dentro das previsões. Os visitantes ficaram contentes e poucas foram as reclamações, alias, reclamações maiores foram para a trilha no Canyon do Corisco.
Na saída vários jipeiros estavam perdidos, no cartaz de propaganda, o horário de saída marcava 11 horas, no JOrnal O Guarani saiu 10 horas e alguns falavam que seria as 9 horas. O local de saída também não estava garantido, era na Praça e depois foi para a Pista da Santa Terezinha. Em conversa na hora com o coordenador de Turismo TÓ, ele nos afirmou que a responsabilidade era da Pepê Eventos, que organizava o evento. Não encontramos ninguém para falar no caso.
Ao chegarmos na porteira após a barreira, a reportagem do Guarani ouviu do chefe local, o único que tinha as chaves, falar que não tinha ordem alguma para abrir a porteira para a caravana. Depois de algumas conversas, o senhor liberou a estrada. Correu-se o risco de todos terem de voltar do caminho.

Houve problemas com vários jeeps e alguns entendidos no assunto, passaram para nós que o certo é fazer a trilha primeiro, como em outros lugares e por último as provas indoor. Provas que "judiam" dos veículos e muitos ficam sem condições de fazer as trilhas. O que ocorreu. Algo a corrigir. Também no percurso não havia sinalização alguma, não vimos uma placa sequer. Tudo erros perdoáveis que certamente serão corrigidos nas edições futuras.
As trilhas escolhidas agradaram a todos e no final, no alto do espinho, todos mostravam a satisfação de participarem de uma grande aventura e com certeza votarão para as próximas que forem realizadas.

Em nossa cidade já há um número considerável de aventureiros e com apoio de todos, os próximos encontros irão começar a por Itararé no seu devido lugar. Temos as trilhas naturais que estão entre as melhores do Estado de São Paulo.
Com novas trilhas, passando por Dr Ulisses e Apiaí, saindo pelo canyon de Itanguá, na divisa de Itapeva, poderemos ter um dos melhores percursos do Brasil.
Estamos com tudo nesse segmento de turismo é apenas uma questão de tempo. Pessoas capacitadas para isto, temos várias.
O grupo de motoqueiros também participou do trajeto, foram mais de 20 motos liderados pelo Hélinho da Motosul. Vamos esperar que sempre haja essa união e que toda nossa cidade saia ganhando. Com a vinda dos turistas, nosso comércio só tem a ganhar.

PAULO MARINHO www.itatudo.com.br
paulomarinho2002@hotmail.com



TIKE TAQUE
GUÉIO PEDE PELOS CARENTES

O vereador Rogério Noremberg entrou com pedido para o Prefeito João Fadel fazer a concessão, se não na sua totalidade, pelo menos de uma área de 450 m2, para a Sociedade São Vicente de Paula.
Pela justificativa: "é notório o trabalho filantrópico oferecido pela tradicional e meritória Sociedade dos Vicentinos de Itararé. Há mais de 40 anos vem atendendo os carentes de Itararé, é reconhecida como entidade de utilidade pública no Município e no Estado.
No entanto, as suas instalações tornaram-se exíguas para o atendimento que dispensa. Para o ano 2002 outras atividades foram planejadas, como cursos para o pessoal carente que não pode freqüentar escolas particulares e a ampliação do albergue."
Realmente uma medida acertada do vereador Guéio. Os Vicentinos já colaboram e com alguma parceria poderiam ajudar ainda mais nossa carente população desempregada.


CUNHA BUENO MOSTRA RESULTADO

Realmente a presença do deputado federal Cunha Bueno em nossa cidade na última semana foi ótima. Os R$ 160.000,00 que destinou a Santa Casa mostra que lembra-se de Itararé todos os anos. Ao contrároio de outras que chega perto das eleições aparecem com as promesas.
Cunha Bueno da o exemplo que outros deveriam seguir. Sem esse dinheiro, nossa Santa Casa poderia entrar em colapso financeiro com os acertos de final de ano.
O eleitor tem que ficar atento. E esquecer os para-quedistas e oportunistas. Nesta eleição o carro chefe é uma universidade, na última foi o trem. Como cantou Raul Seixas, ficamos apenas esperando o trem e perdemos o bonde. "Olhe, olhe o trem". Agora a Universidade virá nos vagões desse "trem". Chega de enganações.




PING PONG DENÚNCIAS REAFIRMADAS

Na 46* Sessão Ordinária do dia 26/11 os vereadores Sinhorinha, MOta e Carlinhos confirmaram as denúncias da semana anterior, com MOta mostrando notas e orçamentos e Carlinhos mostrando produtos irregulares das cestas básicas. Há muito combustível para ser queimado e se o Executivo não usar os extintores, muita cargos serão carbonizados.

Zétão inicia na tribuna: "A gente fica muito contente de ver a luta e o empenho de uma administração, enquanto muitos criticam nós trabalhamos. O prefeito pegou uma prefeitura cheia de dívidas e o circo estava bagunçado. Quero parabenizar o colunista Paulo Marinho e o jornal O Guarani, colocam certinho o que os vereadores falam."
Mota comenta:"A secretaria da Saúde tem de atender o povo independente de ter um vereador perto pedindo. É um equívoco tentar defender um indefensável, a nutricionista fez previsão de gastar com 200 pessoas R$ 5.200,00. Com 105 pessoas o radialista gastou R$ 7.800,00. Foram 950 kilos de carne, com o pessoal que vieram antes do final, dá mais de 1 kilo de carne por dia para cada atleta. É possível? O radialista falou que pegou a nota dia 18 porque no dia 15 o açougue não tinha nota, é uma aberação que se tivesse ocorrido na Transfada, o prefeito dava a conta por muito menos que isso."
Rubens fala: "Na última sessão o senhor falou que foram gastos R$ 200,00 com tortinha de morango. Não vou dizer que o senhor é um mentiroso, pode ser equivocado. No caso das mercadorias da cesta básica temos que levar para a nutricionista analisar."
CArlinhos leva alguns produtos da cesta básica: "Está aquí: o arroz é fétido e nesta embalagem lacrada, tem vários carunchos, podem ver. O óleo é fino, parece aguado e pesa 10 gramas a menos que os concorrentes. O feijão tem pedras, está aquí lacrado para todos verem. Eu sou um homem temente a Deus e não iria criticar sem razão. Não vou ao rádio, não vou cantar de galo em terreno alheio, canto aqui mesmo na Câmara, que é o meu lugar."
Nehir fala: "É lamentavel a partida do instrutor do TG local, sargento Ernesto.... ..,soube conduzir os nossos jovens e formou 4 excelentes turmas. Os produtos da cesta básica estão cheirando mal e pelo tipo são de péssima qualidade. Além do Procom tem que ser levados para a Vigilância Sanitária."
Mário MOrschel fala sobre a saída do instrutor do TG local: "Estamos perdendo duas pessoas de valor de nossa sociedade, o sargento Ernesto participava ativamente de vários eventos em nossa cidade e sua esposa era muito dedicada ao VICC. Enfisema pulmonar não é pior que câncer, dois parentes meus tiveram o problema e nunca precisaram de ambulância para viajar."
Zéca da Cofesa fala: "Quero comprimentar o Cunha Bueno, doou RS 160.000,00 para nossa Santa Casa, é um dos poucos que lembram Itararé. Quero parabenizar o Maurão, que está presente, por levar o nome de Itararé por esse Brasil afora. Parabéns para a polícia civil que desbaratou um quadrilha perto da AAI. Os moradores do MOrro Chato e da Sêda estão elogiando o trabalho do Julião, temos que parabenizá-lo e que continue assim até o final, está muito bem feito o serviço."
Cesar Perúcio fala: "É um absurdo comprar feijão para a cesta básica, se produzimos aqui mesmo. Temos que dar desconto no IPTU para os proprietários de terrenos urbanos que cedam para carentes produzirem. Além dos terrenos ficarem fechados e limpos teríamos uma grande produção de verduras."
Guéio comenta: "Nada mais justo que o funcionário que recebeu uma cesta básica com mercadoria estragada troque a mercadoria. Reivindique nova cesta. Há necessidade de ceder o terreno anexo aos Vicentinos, para que possam atender mais pessoas."
Sinhorinha volta com a bolsa escola: "Eu quero ver a lista com todos os nomes que estão recebendo e os que estão pedindo, para ver quem são os necessitados. Assim como não fui respeitada por alguns, tenho o direito de pedir essa lista."
Zétão lamenta o acidente com veículo municipal: "Tivemos um acidente perto de Capão Bonito com a Kombi e um acompanhante de um paciente morreu. Se todo paciente for levar acompanhante, termos que contratar uma frota de ônibus. Eu falo com documento e não vou jogar lama nos outros. O tamanho do diploama não diminue o tamanho da orelha do burro, se grito resolvese, porco não morria."